01
Nov 12

Novas máquinas de lavar roupa terão que gastar menos água e energia

O novo modelo deve ser de 15% a 20% mais econômico. Só os equipamentos mais eficientes vão conseguir o selo do Inmetro com a letra "A".

As novas máquinas de lavar roupa terão que gastar menos água e menos energia elétrica. Só os equipamentos mais eficientes vão conseguir o selo do Inmetro com a letra "A".

A etiqueta de consumo de energia foi a primeira coisa que dona Maria Isabel olhou quando chegou à loja pra trocar a máquina de lavar.

“A minha já é bastante antiga. Então estou olhando justamente por causa disso mesmo. Para trocar por causa do consumo de energia mesmo”, contou Maria Isabel Sales, aposentada.

E o consumidor vai poder economizar ainda mais na conta de luz. Uma portaria do Inmetro, que será publicada no mês que vem, determina que os fabricantes terão que seguir regras mais rigorosas para que os produtos tenham o selo de economia com a letra "A".

O novo modelo deve ser de 15% a 20% mais econômico. E as lavadoras terão uma nova etiqueta pra facilitar o entendimento do consumidor.

“Tiramos uma série de informações da etiqueta que não eram importantes. Que falavam do Inmetro, que falavam dos parceiros do Inmetro, isso foi reduzido, foi enxuto. De tal forma que a área da etiqueta possa ficar com informações mais claras. Por exemplo, claramente dizer quanto que aquela máquina consome de água numa lavagem. É claramente dizer para o consumidor quanto que ele vai gastar de energia”, afirmou Gustavo Custer, gerência de regulamentação Inmetro.

Em uma fábrica, em Belo Horizonte, foram dois anos de pesquisa até conseguir melhorar o desempenho dos equipamentos.

“A gente tem conseguido cada dia mais vender mais máquinas estando com selo Procel e "A" no Inmetro”, disse Marcelo Soares, diretor industrial.

As novas lavadoras devem chegar ao mercado no início do ano que vem. E nos próximos 24 meses todas as lojas já devem ter os modelos mais econômicos.

“É melhor pagar mais e levar um produto que consuma menos”, contou uma mulher.

“Tem que economizar. Porque aí você compra mais roupa pra lavar mais”, revelou um homem.
 fonte:http://g1.globo.com/

publicado por adm às 20:44 | comentar | favorito
13
Out 12

Clatronic MWA 3101: mini máquina para a roupa ideal em viagem

À venda por cerca de € 70, esta mini máquina de lavar roupa é pequena e leve, ideal para viagens e campismo ou, ainda, para pequenas peças ou tecidos delicados.


Se não tem espaço para uma máquina clássica ou procura um pequeno modelo portátil para usar em viagem, a Clatronic MWA 3101 pode ser uma opção. Tem capacidade para 1,5 quilos de roupa e lava eficazmente, tanto algodão como tecidos sintéticos. Mas não centrifuga e deixa um excesso de resíduos de detergente nos tecidos. Quem sofre de alergias, deverá passar a roupa por água antes de a estender.

O consumo de energia é bastante baixo, mas o mesmo não se poderá dizer da quantidade de água usada na lavagem e no enxaguamento. A utilização é muito simples, embora, para retirar a água do tambor, seja necessário colocar a mangueira de escoamento a um nível inferior. Além disso, as pegas são muito pequenas, o que não facilita o seu transporte.

 

A Clatronic MWA 3101 permite lavar 1,5 quilos de roupa em 30 minutos.A Clatronic MWA 3101 permite lavar 1,5 quilos de roupa em 30 minutos.

Retrato robot

 

A Clatronic MWA 3101 mede 44,5 cm de altura, 35 cm de largura e 37 cm de profundidade. Com estas dimensões, tem cerca de metade do tamanho de uma máquina clássica (cujas dimensões médias rondam 84, 60 e 54 cm, respetivamente) e lava um quarto da roupa. Tem uma capacidade máxima para 1,5 quilos de roupa de algodão, contra 6 a 9 quilos de carga, num modelo clássico.

Por ser uma máquina portátil, é importante que o cabo da Clatronic MWA 3101 seja comprido: com 1,6 metros, é razoável.

A programação faz-se através de um temporizador até um máximo de 15 minutos. Tem ainda uma mangueira para abastecimento e escoamento de água, mas atenção: como não tem válvula, não deve ligá-la diretamente ao sistema de abastecimento de água.

 

O carregamento da máquina faz-se pelo topo.O carregamento da máquina faz-se pelo topo.
Painel frontal : à esquerda, a entrada para abastecer com água e, à direita, um temporizador até 15 minutos.Painel frontal : à esquerda, a entrada para abastecer com água e, à direita, um temporizador até 15 minutos.

Utilização simples, mas com truque

 

Utilizar a Clatronic MWA 3101 não tem grandes segredos. É relativamente simples. Depois de introduzir as peças a lavar e o detergente diretamente na roupa, deverá encher o aparelho com água. Encha à temperatura que desejar, já que a máquina não dispõe de elemento aquecedor. São necessários 13 litros para lavar 1,5 quilos de roupa.

Para o abastecimento de água, poderá usar um balde ou alguidar, por exemplo, ou a mangueira fornecida com o aparelho. Coloque a ponta em funil por baixo de uma torneira e a outra ponta na entrada da máquina. Existe um indicador do nível de água.

No final do programa de lavagem, é pelo mesmo orifício que se esvazia a água da máquina. Mas terá de colocar a mangueira a um nível mais baixo para que a água escoe, uma vez que o aparelho não dispõe de uma bomba de escoamento.

Se achar que a máquina deixa um excesso de vestígios de detergente, passe a roupa por água. Como a máquina não dispõe de centrifugação, deverá espremer e torcer a roupa antes de a estender.

 

Abasteça a máquina com 13 litros de água, introduzindo a mangueira fornecida na entrada para a água.Abasteça a máquina com 13 litros de água, introduzindo a mangueira fornecida na entrada para a água.
As pegas são muito pequenas, o que não facilita o transporte da máquina.As pegas são muito pequenas, o que não facilita o transporte da máquina.

Pequeno concentrado de eficácia

 

Testámos a lavagem da Clatronic MWA 3101 tal como costumamos fazer com as restantes máquinas: com a carga máxima e 80% da carga de algodão e com 1 quilo de sintéticos. Optámos por usar programas de meia hora para ambos os tipos de tecidos.

A eficácia a lavar algodão e sintéticos é muito boa. Mas o enxaguamento desilude, com resultados bastante maus.

Aumentar o tempo do programa, por exemplo, para 45 minutos, não traz vantagens: a eficácia de lavagem, que já era boa, mantém-se e o enxaguamento não melhora. Na verdade, este não depende do tempo, mas da quantidade de água e essa não muda.

A Clatronic não tem centrifugação, pelo que deverá espremer e torcer a roupa antes de a estender.

 

Mini consumos de energia

 

O consumo de energia é mínimo: 0,05 kWh por quilo de roupa, tanto de algodão como de sintéticos. A quantidade de água corresponde ao nível marcado na máquina. Para uma carga de 1,2 quilos, o consumo foi de 10 litros para a lavagem e cerca de 9 para o enxaguamento. Por quilo de roupa, é um consumo bastante elevado, quando comparado com as máquinas clássicas.

 

fonte:http://www.deco.proteste.pt/eletrodomesticos/maquinas-lavar-roupa/testes-primeira-impressao/clatronic-mwa-3101-mini-maquina-para-roupa-ideal-em-viagem


publicado por adm às 22:38 | comentar | favorito
03
Abr 11

Máquinas de lavar roupa: guia de compras

Os modelos acima de 1000 rpm não compensam: a quantidade de água extraída a mais é pouco significativa e a roupa fica mais amarrotada.

 

Os fabricantes publicitam maior capacidade das máquinas de lavar roupa como uma vantagem no consumo de eletricidade, mas só é verdade se usar com a carga completa. As meias-cargas consomem proporcionalmente mais água e eletricidade. Para ter uma ideia, uma família com 2 a 4 pessoas reúne em média 3,5 quilos de roupa por lavagem. Nestes casos, não compensa optar por um modelo com um tambor muito grande.

Se o espaço para a máquina de lavar roupa for limitado, esteja atento às dimensões, sobretudo a largura, que pode variar bastante. 

Programas úteis

  • Algumas máquinas chegam a exibir mais de 20 programas, o que faz aumentar o preço. Confira quais necessita.
  • Os programas têm temperaturas predefinidas. Mas há modelos com seletor de temperatura, para alterar em função das características da roupa.
  • A maioria inclui a função de paragem de cuba cheia. Interromper a lavagem antes da centrifugação é útil, quando não pode estender logo a roupa. Fica menos amarrotada.
  • A opção enxaguamento extra serve para retirar melhor os resíduos de detergente. É útil para pessoas com a pele sensível. Mas gasta cerca do dobro da água e eletricidade.
  • A maioria permite regular a velocidade de centrifugação. É prático, por exemplo, no verão, quando a roupa seca depressa. Quase todas permitem desativar a centrifugação, para tecidos mais delicados.
  • O programa de lavagem intensiva é indicado para roupa muito suja. Para roupa pouco suja, prefira o programa curto e temperaturas abaixo dos 30ºC.
  • Em quase todos os modelos pode programar o arranque para a noite e assim usufruir da tarifa bi-horária ou tri-horária.
  • Os idosos e pessoas com deficiência ou dificuldades motoras devem escolher uma máquina com controlos rotativos, texto e símbolos claros. As portas que abrem a 180° são mais práticas para quem use cadeira de rodas.

Amigas do ambiente e da carteira 

  • Escolha um modelo com uma etiqueta energética superior: A+ a A+++. Veja também o custo da utilização por lavagem.
  • O mesmo modelo chega a ter diferenças de cerca de 200 euros nas lojas. Vale a pena comparar preços.
  • Junte a roupa necessária para uma carga completa. Duas lavagens a meia carga gastam mais do que uma cheia.
  • Prefira programas e detergentes eficazes a baixas temperaturas. Use a quantidade de detergente e amaciador recomendada pelo fabricante: em excesso não lava melhor e desperdiça dinheiro. Além disso, pode formar-se uma massa rígida que se mantém na gaveta, dificultando a eficácia da lavagem.
  • Separe a roupa pelo tipo de tecido e sujidade e selecione o programa adequado para um uso mais eficiente e menor consumo de energia.
  • Reserve as temperaturas elevadas, acima de 60ºC, para toalhas e roupa de cama, de forma a eliminar ácaros e bactérias, e se alguém em casa estiver doente.
  • Sempre que possível, prefira o estendal. O sol e o vento secam de forma gratuita e ecológica. Se estiver bom tempo, reduza a velocidade da centrifugação. Quase todas as máquinas têm um seletor de centrifugação.
  • Apanhe a roupa do estendal ainda um pouco húmida, para gastar menos energia a passá-la a ferro.
  • Limpe o filtro sempre que a máquina não efetuar o enxaguamento, em cada 3 meses.
  • fonte:http://www.deco.proteste.pt/roupa/maquinas-de-lavar-roupa-guia-de-compras-s595101/rss/1.htm

 

publicado por adm às 11:19 | comentar | favorito