13
Out 12

Clatronic MWA 3101: mini máquina para a roupa ideal em viagem

À venda por cerca de € 70, esta mini máquina de lavar roupa é pequena e leve, ideal para viagens e campismo ou, ainda, para pequenas peças ou tecidos delicados.


Se não tem espaço para uma máquina clássica ou procura um pequeno modelo portátil para usar em viagem, a Clatronic MWA 3101 pode ser uma opção. Tem capacidade para 1,5 quilos de roupa e lava eficazmente, tanto algodão como tecidos sintéticos. Mas não centrifuga e deixa um excesso de resíduos de detergente nos tecidos. Quem sofre de alergias, deverá passar a roupa por água antes de a estender.

O consumo de energia é bastante baixo, mas o mesmo não se poderá dizer da quantidade de água usada na lavagem e no enxaguamento. A utilização é muito simples, embora, para retirar a água do tambor, seja necessário colocar a mangueira de escoamento a um nível inferior. Além disso, as pegas são muito pequenas, o que não facilita o seu transporte.

 

A Clatronic MWA 3101 permite lavar 1,5 quilos de roupa em 30 minutos.A Clatronic MWA 3101 permite lavar 1,5 quilos de roupa em 30 minutos.

Retrato robot

 

A Clatronic MWA 3101 mede 44,5 cm de altura, 35 cm de largura e 37 cm de profundidade. Com estas dimensões, tem cerca de metade do tamanho de uma máquina clássica (cujas dimensões médias rondam 84, 60 e 54 cm, respetivamente) e lava um quarto da roupa. Tem uma capacidade máxima para 1,5 quilos de roupa de algodão, contra 6 a 9 quilos de carga, num modelo clássico.

Por ser uma máquina portátil, é importante que o cabo da Clatronic MWA 3101 seja comprido: com 1,6 metros, é razoável.

A programação faz-se através de um temporizador até um máximo de 15 minutos. Tem ainda uma mangueira para abastecimento e escoamento de água, mas atenção: como não tem válvula, não deve ligá-la diretamente ao sistema de abastecimento de água.

 

O carregamento da máquina faz-se pelo topo.O carregamento da máquina faz-se pelo topo.
Painel frontal : à esquerda, a entrada para abastecer com água e, à direita, um temporizador até 15 minutos.Painel frontal : à esquerda, a entrada para abastecer com água e, à direita, um temporizador até 15 minutos.

Utilização simples, mas com truque

 

Utilizar a Clatronic MWA 3101 não tem grandes segredos. É relativamente simples. Depois de introduzir as peças a lavar e o detergente diretamente na roupa, deverá encher o aparelho com água. Encha à temperatura que desejar, já que a máquina não dispõe de elemento aquecedor. São necessários 13 litros para lavar 1,5 quilos de roupa.

Para o abastecimento de água, poderá usar um balde ou alguidar, por exemplo, ou a mangueira fornecida com o aparelho. Coloque a ponta em funil por baixo de uma torneira e a outra ponta na entrada da máquina. Existe um indicador do nível de água.

No final do programa de lavagem, é pelo mesmo orifício que se esvazia a água da máquina. Mas terá de colocar a mangueira a um nível mais baixo para que a água escoe, uma vez que o aparelho não dispõe de uma bomba de escoamento.

Se achar que a máquina deixa um excesso de vestígios de detergente, passe a roupa por água. Como a máquina não dispõe de centrifugação, deverá espremer e torcer a roupa antes de a estender.

 

Abasteça a máquina com 13 litros de água, introduzindo a mangueira fornecida na entrada para a água.Abasteça a máquina com 13 litros de água, introduzindo a mangueira fornecida na entrada para a água.
As pegas são muito pequenas, o que não facilita o transporte da máquina.As pegas são muito pequenas, o que não facilita o transporte da máquina.

Pequeno concentrado de eficácia

 

Testámos a lavagem da Clatronic MWA 3101 tal como costumamos fazer com as restantes máquinas: com a carga máxima e 80% da carga de algodão e com 1 quilo de sintéticos. Optámos por usar programas de meia hora para ambos os tipos de tecidos.

A eficácia a lavar algodão e sintéticos é muito boa. Mas o enxaguamento desilude, com resultados bastante maus.

Aumentar o tempo do programa, por exemplo, para 45 minutos, não traz vantagens: a eficácia de lavagem, que já era boa, mantém-se e o enxaguamento não melhora. Na verdade, este não depende do tempo, mas da quantidade de água e essa não muda.

A Clatronic não tem centrifugação, pelo que deverá espremer e torcer a roupa antes de a estender.

 

Mini consumos de energia

 

O consumo de energia é mínimo: 0,05 kWh por quilo de roupa, tanto de algodão como de sintéticos. A quantidade de água corresponde ao nível marcado na máquina. Para uma carga de 1,2 quilos, o consumo foi de 10 litros para a lavagem e cerca de 9 para o enxaguamento. Por quilo de roupa, é um consumo bastante elevado, quando comparado com as máquinas clássicas.

 

fonte:http://www.deco.proteste.pt/eletrodomesticos/maquinas-lavar-roupa/testes-primeira-impressao/clatronic-mwa-3101-mini-maquina-para-roupa-ideal-em-viagem


publicado por adm às 22:38 | comentar | favorito
19
Jun 11

Nova etiqueta energética para electrodomésticos é mais exigente

 

Em finais do ano passado criou-se uma nova legislação para a etiqueta energética, que já todos conhecemos e que indica a eficiência de um electrodoméstico em termos de consumo de energia. O nível de exigência subiu, sendo que alguns equipamentos passarão a ter sete classes (de A+++ a D) e outros chegarão mesmo às dez (de A+++ a G).

Assim, para todos os Estados-membros da União Europeia, as máquinas de lavar roupa, loiça, os equipamentos de refrigeração por compressão e ostelevisores (que nunca tinham tido etiqueta) passam a ser divididos em sete classes, enquanto os equipamentos de frio que fazem refrigeração por absorção e as garrafeiras frigoríficas serão divididos em dez.

Actualmente, a nova etiqueta encontra-se em fase de implementação voluntária, sendo que, após o fim das datas determinadas, os fornecedores serão mesmo obrigados a utilizá-la no mercado europeu. Após o dia 30 de Novembro, todos os frigoríficos, garrafeiras e televisores já devem conter os novos avisos e, depois do dia 20 de Dezembro, o mesmo acontece com máquinas de lavar roupa e loiça. Esteja atento!

O texto dará lugar a pictogramas, para que possa ser entendida em toda a União Europeia sem que se ponha a barreira da língua, e deverá ser fornecida uma etiqueta completa com cada unidade de produto. Além disso, é obrigatória a presença da informação de ruído em todos os produtos em que este critério seja importante. Veja as diferenças para a que se encontra ainda a ser usada. A partir de Março de 2012, surgirão ainda novas exigências no que toca a publicidade e material promocional.

O consumidor é cada vez mais exigente no que toca à eficiência energética das marcas e a etiqueta é um elemento fundamental de consulta na escolha de um novo electrodoméstico.

fonte:http://www.greensavers.pt

publicado por adm às 18:00 | comentar | favorito